Mercados para Cassino Online Latino-americanos

Publicado May 11, 2014

Mercados para Cassino Online Latino-americanos

A América Latina apresenta um grande potencial para cassinos online e a indústria de iGaming.

De maneira muito parecida com a situação de antes do final do século XV, a América Latina é uma terra praticamente inexplorada pela indústria de iGaming. A expansão nos mercados latino-americanos é percebida como algo intimidador na indústria. As opiniões preconcebidas sobre a América Latina levam os operadores a pensar nela como um mercado "inferior". Essas opiniões não poderiam estar mais longe da verdade. No México, por exemplo, há receitas significativas realizadas por operadores como a IGT e a Codere, que funcionam de maneira perfeitamente legal no cenário mexicano de jogos de azar a dinheiro.

Grande Potencial para iGaming

Muito do preconceito contra a América Latina deriva-se do histórico de instabilidade política de seus países, mas é um fato que a última década mostrou que as coisas mudaram para melhor com a estabilidade política da maioria das regiões. Além disso, a população latino-americana é jovem e manja de tecnologia; cassinos sociais como os operados pela Akamon, com sede em Barcelona, estão crescendo em popularidade entre os jogadores, uma coisa que também levou alguns governos a considerarem de maneira séria o regulamento, como os de Colômbia e Peru. Esses sinais mostram um grande potencial para uma expansão total do iGaming Europeu e Norte-americano na América Latina.

Tumulto no Mercado de Jogos Online do Brasil

Um novo projeto de lei no Brasil ameaça impedir os operadores de iGaming de aceitar apostas feitas por residentes brasileiros, começando a partir do verão dessa Copa do Mundo e daí em diante. Se aprovada, a lei permitiria a qualquer representante do Ministério Público protocolar um mandado de segurança perante a corte brasileira para solicitar o bloqueio de sites de iGaming, algo que poderia potencialmente forçar os operadores no exterior a se defenderem. O projeto de lei, apoiado pela Presidenta Dilma Vana Rousseff, foi aprovado pelo Congresso Brasileiro no fim de março, e poderia ser promulgado como lei no Senado Federal nos próximos 30 a 60 dias. Talvez lobby e explicações simples possam mudar a atitude das autoridades brasileiras para com a indústria de iGaming.

Veja também

América do Sul: O Próximo Império dos Jogos de Azar Online?


Sim! Quero conhecer os bônus exclusivos, promoções e notícias.

SUBSCRIBE